Bolsas Terry Fox distinguem trabalhos na área do Cancro da Mama e Anemia de Fanconi

27/03/13

Ana Barbas, do IBET – Instituto de Biologia Experimental e Tecnológica, e António Almeida, da Unidade de Investigação em Patobiologia Molecular do Instituto Português de Oncologia de Lisboa, são os investigadores vencedores das Bolsas Terry Fox 2013, com pesquisas nas áreas do cancro da mama e da anemia de Fanconi.



Assim, Ana Barbas foi distinguida pelo projeto "Phage Display como ferramenta para o desenvolvimento de novas terapêuticas para o cancro da mama: estudo do ligando do Notch1–Delta–like-1", enquanto António Almeida se evidenciou com a pesquisa sobre "Alterações epigenéticas na Anemia de Fanconi: papel na progressão da doença e os efeitos da hipometilação do DNA e da inibição das deacetilases de histonas".

Cada um dos investigadores será agraciado com uma bolsa no valor de 15 mil euros. A verba resulta dos fundos angariados pelo Núcleo Regional do Sul da Liga Portuguesa Contra o Cancro na XVII Corrida Terry Fox, realizada em maio de 2012, numa homenagem ao jovem canadiano que atravessou o país a pé com a missão de reunir apoios para a investigação oncológica.

A entrega das bolsas acontecerá no próximo dia 3 de abril, às 11h, na sede do Núcleo Regional do Sul da Liga Portuguesa Contra o Cancro, em Lisboa, na presença da embaixadora do Canadá em Portugal.

Partilhar

Publicações